Férias na Bahia com crianças e a vovó


Aproveitamos as férias de julho do filho, o frio aqui em Santa Catarina, a necessidade de uma espairecida e nosso amor por praia e resolvemos passar uma semaninha na Bahia.



Como desta vez iriamos nós três (marido Camilo, filho Heitor e eu) mais a minha sogra Glaci, começamos a traçar destinos que facilitassem transporte, chegada e saída, proximidade com a praia e tranquilidade sem no entanto ser muito deserto.
Já conhecíamos a delicia que é Trancoso, que tem um caminho tranquilo a partir do aeroporto de Porto Seguro e também já havíamos visitado Morro de São Paulo, um tanto quanto exaustivo pra uma senhora idosa e uma criança impaciente, o caminho de Salvador até Morro de SP (que é uma ilha) leva de 4 a 6 horas e tem ferry boat, van, lancha... cansa mesmo, mas recomendo irem, é especialmente lindo.

As passagens de Florianópolis para Salvador estavam com  preços muito bons, então decidimos por alguma praia naquela redondeza, um pouco afastada da Capital, mas que fosse de fácil acesso e rápida pra chegar.
Depois de muita pesquisa escolhemos a encantadora e muito conhecida Praia do Forte. Ainda havia mais um passo a ser dado, escolher um local para nos hospedarmos. Na praia do Forte existem alguns resort's mega luxuosos, porém bem caros e muitas pousadas acolhedoras.
Nós ja nos hospedamos em Resort uma vez, em Punta Cana o gigante Barceló Bavaró quando o Heitor ainda não tinha 2 anos,  tem muitas vantagens, como a estrutura local para usar... e tudo bem próximo, com filhos bem pequenos pode ser uma ótima pedida. Mais confesso que sou louca por pousadas aconchegantes as quais nos sentimos únicos e exclusivos.
Na Praia do Forte a dificuldade foi encontrar pousadas bem de frente para o mar, a maioria tinha um pequeno trajeto e queríamos facilidade de locomoção. Acabamos optando por um apartamento num condomínio com uma localização excepcional, tanto para caminhar na vila quanto para ir a praia. O condomínio tem muitos donos que alugam assim em temporadas, o nosso fizemos todo processo de reserva pelo booking direto no site e depois por whats com o representante dos proprietários, foi super tranquilo. Tínhamos nossa cozinha completinha, uma linda piscina infinita de frente para a Praia do Forte, academia e um excelente atendimento.
Alugamos carro, mas fizemos praticamente tudo a pé, pois o centrinho, os restaurantes e praias são muito próximos.










Um passeio bem próximo (2 minutos do condomínio a pé) e legal de fazer é a visita ao Projeto Tamar, Heitor amou saber mais sobre as tartarugas e vê-las de pertinho. A estrutura do parque do Tamar é bem legal, cobram uma taxa por pessoa, crianças não pagam e idosos pagam meia. Já aproveitamos o passeio e almoçamos dentro do parque. Ja aviso que as refeições lá são mais caras e menos servidas (vem pouquinha comida). Mas foi legal.










Também quisemos conhecer a praia de Imbassaí e por não ter lido muito sobre o local nem pesquisado nada, acabamos dando um tiro no pé neste dia (rsrsrs). Na rua que pegamos para chegar a praia demos de cara com o Resort dos Coqueiros e pensamos em pegar um day use (passar o dia utilizando a estrutura do resort) com almoço incluso. Nossa intenção era utilizar a praia em frente ao resort e ficar confortáveis a beira mar, usar as cadeiras e guarda sóis, garçom deles e tal, ja que a praia é mais deserta e não teria nada disso para alugar. O valor do Day Use era de 100 reais por pessoa e incluía estacionamento, Heitor não pagava. 

Resolvemos então ficar ali e para nossa surpresa o resort não tinha estrutura nenhuma na praia (rsrsrs) como não pensamos em perguntar antes de pagar heim??? tinham apenas umas mesas de plastico na beira do rio que tem antes da praia, e para nossa surpresa, na praia mesmo, logo ao lado do resort tinha um restaurante com guarda sóis e cadeiras como gostaríamos. Enfim... aproveitamos assim mesmo e o lugar é lindo. 





Não se pode ir a praia do Forte e não mergulhar nas piscinas naturais, sempre tem muitos guias oferecendo na vila, mas é completamente possível faze-los sozinho na maré baixa. Bem próximo e na praia logo em frente ao projeto Tamar logo depois da Igreja tem ótimas piscinas com um pouco de areia para as crianças brincarem na agua também. Pode-se alugar o snorkel a parte ou junto com pacotes variados.



Ainda aproveitamos o sábado a noite e a presença da vovó e saímos, marido e eu para dançar no Forró do Souza, muito conhecido e animado. Super perto, fomos a pé.

No ultimo dia no paraíso pegamos uma BiciTaxi e fomos até a praia do Lord logo ao lado, linda linda.. muitas piscinas naturais, barracas de praia, acarajé e boas comidinhas e drinks. 










Ja estamos com saudade do calor da Bahia, povo super acolhedor. Super recomendo esta viagem para famílias com crianças e idosos, ou para casais também. Muita diversão garantida.

Espero que tenham gostado amores.

Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

2 comentários:

  1. NOssa que legal!!Esteve no litoral da minha cidade rs,lá é realmente lindo,uma pena ser tão afastado da sede :'( mas não tem como não se apaixonar !!Amo teu blog,amo demais mesmo!Tá me inspirando bastante!! <3
    @reeducane

    ResponderExcluir

Compartilhe conosco suas dúvidas e experiências.



Categorias

Visualizações

Arquivo