Gravidez depois dos 30 anos

      O critério sobre a idade ideal para dar à luz evoluiu com o tempo. Na década de 60, considerava-se ideal a faixa entre 18 a 25 anos. Quando a mulher dava à luz pela primeira vez depois dos 25 anos, era classificada de primigesta idosa. Hoje, admite-se que a idade “ideal” para a primeira gravidez vai dos 20 aos 30 anos. Diante da tendência das mulheres engravidarem mais tarde, é possível que, daqui há alguns anos, esses números sejam revistos e o período estendido.
     Antigamente, a expectativa de vida girava em torno dos 50 anos. As mulheres casavam cedo e tinham filhos logo. Hoje, espera-se que vivam muito mais e não são poucas as que chegam aos 90 anos. Outro fator importante é que a mulher estabeleceu prioridades, além de casar e ter filhos. Foi postergando a data de ser mãe.



     Diante dessa nova realidade, a experiência mostrou que os riscos da gravidez não aumentavam dos 25 aos 30 anos, e alargou a faixa de idade ideal para a primeira gravidez, que passou a ser considerada de risco depois dos 35 anos. 
Depois desta idade, existe a probabilidade de conceber um filho com síndrome de Down (um dos maiores fatores de risco na idade avançada). Segundo a ginecologista e obstetra, Tânia Schupp Machado.
     É muito interessante que a mulher busque por seus ideais, no entanto, alguns cuidados devem ser tomados uma vez que a prevenção pode evitar algumas doenças congênitas. Por exemplo, o uso do ácido fólico, 3 meses antes da gestação, previne más formações congênitas. O planejamento familiar auxilia muito a evitar os conflitos familiares, pois a chegada de um “novo serzinho” bagunça, no bom sentido, toda a nossa vida! Porém é a mudança mais gostosa desse mundo!
     Mas tudo isso são somente situações e experiências. Se você tem mais de 35 anos e está esperando um bebê, deve estar consciente de que, acima de qualquer problema ou dificuldade, sempre predominarão as vantagens de ser uma mãe com mais idade, como mais paciência, experiencia de vida, estabilidade emocional e financeira, dentre outras.


    

  







  É isso ai mulherada! como sempre, coloco-me à disposição para esclarecimentos e dúvidas. Um forte abraço!!
Gabriela Dias




Comente pelo Blogger
Comente pelo Facebook
Comente pelo Google+

0 comentários:

Postar um comentário

Compartilhe conosco suas dúvidas e experiências.



Categorias

Visualizações

Arquivo